Receba as novidades exclusivas de nossa rede :)

Cadastre-se

3ª Semana Brasileira de catequese

3ª Semana Brasileira de catequese

De 6 a 11 de outubro de 2009 em Itaici, aconteceu a 3ª Semana Brasileira de Catequese. Estamos, por assim dizer, digerindo e saboreando tudo o que aconteceu de tão intensamente nesses dias.

A 3ª Semana teve como tema Iniciação a Vida Cristã em sintonia com o Ano Catequético Nacional, que teve como tema “Catequese, Caminho para o Discipulado e lema “Nosso Coração arde quando Ele fala, explica as Escrituras e parte o pão”. Ambos sob a ótica e inspiração dos Discípulos de Emaús. (Lc. 24,13-35).

Foi uma semana intensa e uma riqueza imensa em tudo o que foi mostrado e apresentado por cada assessor. Não se trata de uma sinopse da Semana, tamanha foi a riqueza dos conteúdos, mas uma pincelada dos pontos abordados. Nas linhas gerais dos assessores, três a quatro pontos foram destacados e enfatizados: a Palavra, a Leitura Orante da Bíblia, o Discipulado e a Missão.

Foi enfático quanto à questão do discipulado e a missionariedade do catequista, apoiado na Palavra, pois “Ela ocupa um lugar central na vida da Igreja do Brasil e, portanto, Ela deve assim permear as atividades de todas as pastorais. E, no seguimento da Palavra, que é fonte e inspiração, aprendemos a seguir Jesus Cristo, pois Ele é o Caminho que nos leva ao Pai. A Bíblia é força na vida das pessoas, e, quando alguém morre por defender a causa dos fracos e oprimidos, a exemplo da Ir. Doroty, ela o fez não por uma ideologia, mas por causa da Palavra de Deus”, disse dom Eugênio Rixen.

A leitura orante da Bíblia ajuda a formar comunidade de fé. “Jesus foi um bom formador, porque ele foi se formando junto com os seus. E é interessante notar que o messias servidor ensinado por Jesus vai de encontro com o que Ele aprendeu com sua mãe: “eis a sua serva”. Quer dizer, durante sua vida Ele foi observando tudo ao redor ao ponto de ser “uma simpatia ambulante para os pobres”. E assim, tem que ser o catequista, “uma simpatia ambulante para os catequizandos”, concluiu Frei Carlos Mersters.

Em tudo isso é preciso estar atento para a missão, pois estamos num mundo em transformação, ou seja, “não estamos vivendo apenas uma época de mudança, mas rigorosamente uma mudança de época. A rapidez com tudo o que vem ocorrendo nessa mudança de época ressalta dois perigos que atingem todas as dimensões da vida e, por conseqüência, também a Catequese. O primeiro é o não reconhecimento da mudança de época, é dizer que as coisas sempre funcionaram do jeito que conhecemos e, portanto, o caminho, no caso, da evangelização consiste em continuar fazendo o que sempre foi feito, do modo como sempre foi feito. O segundo perigo consiste em mergulhar de tal modo na nova realidade que já não se consiga fazer o discernimento entre o que é evangélico e o que não é, de modo que a ação evangelizadora acabe perdendo sua capacidade de interpelação, de questionamento, de profetismo e dimensão escatológica. O segredo, consequentemente, é o discernimento”, assim frisou padre Joel Portella Amado.

Enfim, a 3ª Semana em toda sua dinâmica, riqueza e beleza principalmente pela participação de todos foi enriquecedora e mutuamente puderam conhecer um pouco de cada Regional. “Ser discípulo é dom destinado a crescer. A iniciação cristã dá a possibilidade de uma aprendizagem gradual no conhecimento, no amor e no seguimento de Cristo. Dessa forma, ela forja a identidade cristã com as convicções fundamentais e acompanha a busca do sentido da vida. É necessário assumir a dinâmica catequética da iniciação cristã”, (DAP 291).

O livro traz uma síntese da 3° semana brasileira de catequese, reunindo o conteudo dos temas principais, a crônica as mensagens, as propostas para os regionais. Acompanha este livro o DVD que traz imagens de celebrações, a síntese de todas as palestras, inclusive das oficinas, contribuindo para a formação dos catequistas.

Por Maria Leda S. Martins Santana– teóloga, catequista na Arquidiocese de São Paulo (SP).

Compre o seu na lojinha Sou Catequista

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *