A Criação

A Criação

 

Ambientação:
O encontro pode ser realizado em uma praça (onde não haja muita movimentação), em um jardim, enfim em um lugar onde possa acolher todas as crianças e que elas poderão participar mais à vontade.

Se não for possível fazer em local aberto pode ser na Igreja ou salas de catequese. Neste caso procure deixar o ambiente como uma imagem da “Criação Divina” você poderá usar vasos com plantas e flores, deixar janelas e portas abertas para um contato com o ar, o canto dos pássaros, o sol ou a lua, etc.

Acolhida:
No momento da acolhida não é preciso muito, evite gastos, principalmente com cartazes ou desenhos espalhados pela sala o qual não será utilizado outras vezes, para poder lembrarmos as crianças que as árvores / matas também são criaturas de Deus e que devem ser respeitadas.

Acolha as crianças com um abraço bem apertado, mostre para elas que elas são importante, pois muitas crianças podem ser carentes de um abraço, de uma atenção. Seja carinhoso, mas lembre-se todos somos filhos de Deus, por isso trate igualmente as crianças.

Oração Inicial:
Antes de iniciar o encontro faça uma prece espontânea invocando a Trindade em meio ao grupo, peça também a presença de Nossa Senhora (incentive as crianças a ter um carinho a Mãe de Deus).

Conteúdo ou propósito do 1º Encontro:
Introduz as crianças para o tema. Evite que as crianças escrevam.

Ex.: Meus queridos vocês sabem o que estamos fazendo aqui?.. Viemos conversar um pouquinho sobre Deus, e Ele é maravilhoso. Vamos ter tanto para conversarmos sobre Ele, sobre sua Igreja, seus Mandamentos, etc.
Mas hoje vamos falar um pouquinho da sua obra.

Pedir para uma criança fazer a leitura bíblica: Gn 1,1-25

Aqui nesta passagem nós vimos que Deus criou tudo, e viu como tudo era bom. Tudo Ele fez com amor, por isso devemos respeitar a natureza, respeitar nossos coleguinhas, pois tudo foi Deus quem fez. Às vezes nós não usamos corretamente estes “presentes” de Deus, fazemos mal uso.

Incentivá-los a comentar as belezas da natureza, e depois sobre o que fazemos com a criação. Lembre-se neste momento virão as perguntas, esteja preparado. Leia textos sobre o tema, e qualquer dúvida procure alguém mais experiente para se informar.

Nunca tente enrolar as crianças quando não souber responder alguma pergunta diga que vai procurar se informar e depois explica.

Como disse anteriormente evite que as crianças escrevam, no máximo façam algumas anotações, prefira conversar, ouvir a opinião delas (elas se sentirão importantes) e o encontro será menos cansativo e eles sempre terão vontade de chegar o próximo.

Dinâmica:

Objetivos: Autoconhecimento e preces.

Material: Símbolos da natureza, papel e caneta.

Desenvolvimento: 1. Lembrar da leitura bíblica.

2. Cada um procura um elemento na natureza que mais lhe chama a atenção e reflete: Porque o escolhi? O que ele me diz?

3. Formação de pequenos grupos para partilha.

4. Cada grupo se junta com o outro e faz uma nova partilha. O grupo escolhe um como símbolo e formula uma prece.

5. Um representante de cada grupo apresenta o símbolo ao grupo, e faz uma prece.

Oração Final:

Oração comunitária de agradecimento pela Criação.
Ex.: – Agradeço, Pai querido pelo ar que respiramos.
– Obrigado, Senhor pelo dom da vida.
– Muito te agradecemos, Pai pelos animais.
– Etc.

Extras:

Você pode pedir para as crianças fazerem em casa um pequeno texto sobre o tema do dia, um caça palavras, ou outra atividade e incentive que as crianças peçam ajuda aos pais ou responsáveis, é muito importante a presença familiar na vida religiosa.

Encontro de catequese enviado por Jonathan César
Paróquia Nossa Sra. do Patrocínio – Igaratá-SP.

 

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *