Receba as novidades exclusivas de nossa rede :)

Cadastre-se

Confira as atividades para o Dia da Infância

Confira as atividades para o Dia da Infância

Hoje celebramos o Dia da Infância, então separamos algumas dinâmicas e encontros especialmente para vocês.

A iniciativa para a criação desta data foi o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), com o objetivo de conscientizar pais, responsáveis e governantes sobre a importância de garantir uma boa formação social, educacional e de valores para as crianças.

O Dia Mundial da Infância representa um período de reflexão sobre o modo como estão sendo formados os “adultos de amanhã”.

Objetivos: Auto conhecimento e preces.

Material: Símbolos da natureza, papel e caneta.

Desenvolvimento:
1. Contemplação da natureza. Cada um procura um elemento na natureza que mais lhe chama a atenção e reflete: Porque o escolhi? O que ele me diz?
2. Formação de pequenos grupos para partilha.
3. Cada pequeno grupo se junta com o outro e faz uma nova partilha. O grupo escolhe um como símbolo e formula uma prece.
4. Um representante de cada grupo apresenta o símbolo ao grupo, fazendo uma prece.

Palavra de Deus: Gn 1,1-25

Clique AQUI para fazer o download

OBJETIVO : Comunicar uma mensagem ou o resultado de uma reflexão de forma criativa, usando revistas, jornais, etc.

MATERIAL :Revistas, jornais, tesoura, cola, pincel atômico, etc…

DESENVOLVIMENTO : O animador explica o que é a colagem: é um cartaz feito por diversas pessoas, com recortes, fotos, ou outros, para comunicar o que pensam estas pessoas sobre determinado tema. O grupo de 5 a 8 pessoas discutem o tema. buscam fotos, recortes, letras de jornais e outros para expressar o que discutiram. Colam tudo na cartolina. As deferentes colagens são apresentadas em plenária e dizer o que cada colagem quis dizer. As pessoas que fizeram a colagem podem complementar as interpretações, se for preciso.

OBJETIVO: Facilitar o entrosamento, despertar a cordialidade, promover aproximação entre os colegas, ou entre eles e alunos novos.

MATERIAL: Fichas ou crachás com os nomes das crianças participantes. Uma caixa para colocar os crachás ou fichas.

TEMPO APROXIMADO: 15 minutos

COMO FAZER:

– Colocar todos os crachás(ou fichas) em uma caixa;
– As crianças sentam na roda e a catequista fica com um apito;
– A caixa vai passando e quando ouvir o apito, o catequizando abre a caixa e pega uma ficha/crachá e diz alguma qualidade do colega escolhido pelo nome para os outros adivinharem quem é.

(Texto adaptado do blog Papo da professora Denise)

Via Catequese Hoje

Objetivo

Despertar na criança a consciência de que Deus é amor e de que quanto mais amamos, mais o conhecemos.

Acolhida

Músicas com gestos: Que bom que você veio; O Amor de Deus é Maravilhoso.

Oração Inicial

Partindo do concreto

Dinâmica do spray – Pedir que fechem os olhos e vaporizar um pouco de spray na sala. Perguntar sobre o que sentem e levar à comparação: “Não podemos ver a Deus, mas podemos senti-lo. Nem tudo o que existe de fato, pode ser visto ou tocado.”

A chave

E agora? Como poderemos conhecer a Deus se não podemos vê-lo?

A palavra

Resposta: I Jo 4, 7-8.16 Quanto mais amamos, mais conhecemos a Deus.

Experimentando orando

Música com gestos: “Deus é bom pra mim (2x) Contente estou; caminhando eu vou… Deus é bom pra mim”

Oração: “Obrigado, meu Deus, porque o senhor me ama e é bom para mim.

Me ajude a lhe conhecer melhor e a experimentar o Seu amor, para que eu também possa amar a todas as pessoas.”

Atividade prática

Convidar os pais para o encerramento deste dia. Colocar ou desenhar um tronco vazio.Distribuir bolas (feitio coração).
Perguntar aos pais: Como quer que o coração de seu filho saia deste encontro? Sopram, na medida em que pensam.

Depois de cheio, os pais colocam no coração o nome do(a) filho (a) e as crianças o penduram no tronco.

Os pais são convidados a contemplar o tronco cheio de corações e a refletir sobre como Deus também deseja ver seus filhos cheios de sua graça, porque Deus é amor.

Guardando

Quanto mais amamos, mais conhecemos a Deus.

Encerramento

As crianças ensinam para os pais os gestos da música “Deus é bom pra mim”.
Todos dão as mãos e rezam o Pia Nosso, pedindo que possam levar este amor para casa.

Objetivo

Despertar na criança a consciência de que ela é conhecida e amada por Deus, pois Ele a criou.

Acolhida

Músicas com gestos: Quem fez? Não há Deus maior! Etc. Oração Inicial

Partindo do concreto

Passeio em volta do local, pedindo que observem toda a natureza (céu, sol, nuvens, chuva, plantas, animais…

– Apresentar um grande painel em branco e várias figuras, já recortadas, para serem aplicadas por cada criança no painel. (Não use figuras de pessoas.)

– Perguntar qual delas seria a mais importante e, por fim, anunciar que a mais importante não está no painel, mas na sala, falando o nome de cada criança.

A chave

Por que será que de tudo o que Deus criou, as pessoas (cada um de nós) são as mais importantes?

Semeando a palavra

Resposta: Gn 2,4-5.7 Porque para o homem e para a mulher, para cada um de nós, Deus quis dar a sua própria Vida. Assim como soprou a vida no boneco de barro, Ele quer soprar seu Espírito em cada um de nós, para experimentarmos aquilo que Ele experimenta: paz, amor, alegria, bondade…

Mostrar um boneco de papel bem fino ou algum tipo de boneco inflável . Soprar sobre o boneco, fazendo-o balançar, mostrando a diferença entre antes e depois do assopro. Assim somos nós: ganhamos a vida de Deus.

Experimentando orando

Retomar a música Quem fez? Ressaltar os versos: Deus me fez pra me amar e Deus me fez pra te amar . Ou, cantar “Vem, Espírito Santo”. Agradecer a vida e o amor e pedir que saibamos amar aos outros.

Atividade prática

Fazer / recortar 2 bonecos de papel para cada criança, um para ser afixado no painel junto com a frase “Sopra em mim, Senhor, o teu amor” ou “Deus me criou para amar”; o outro para ser levado para casa e entregue a alguém da família com a mesma mensagem. Este último poderá ficar na porta da geladeira durante a semana. O boneco pode ser feito com aplicações de papéis coloridos no lugar das roupas; lã nos cabelos, etc.

Guardando

“Deus me ama e me criou para amar.” ou “Sopra em mim, Senhor, o teu amor.”

Encerramento

Todos rezam juntos o Pai Nosso, pedindo que possam voltar para casa cheios de paz e amor.

Canto: Eu tenho paz como um rio

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *