Receba as novidades exclusivas de nossa rede :)

Cadastre-se

Objetos Litúrgicos

img

AMBULA, CIBÓRIO OU PÍXIDE: É um vaso sagrado parecido com o calice, porém contém algumas diferenças. Sua copa é mais larga e fechada com uma tampinha acimada de cruzinha. Como o calice, sua copa deve ser de ouro ou de prata dourada em seu interior. É usado para a conservação das Sagradas Resarvas Eucarísticas para a ocasião da comunhão dos fieis no santo sacrificio da missa.
ALFAIAS: Designam todos os objetos utilizados no culto, como por exemplo, os paramentos litúrgicos.
ALTAR: Mesa onde se realiza a ceia Eucarística; ela representa o próprio Jesus na Liturgia.
AMBÃO OU MESA DA PALAVRA: Estante onde é proclamada a palavra de Deus.
ANDOR: Suporte de madeira, enfeitado com flores. Utilizados para levar os santos nas procissões.
BACIA E JARRA: A bacia serve para consentrar a água usada pelo sacerdote após ter lavado suas mãos no rito do lavabo. A jarra contém a água necessária para o rito. Lembra – nos da santidade e pureza com que se deve oferecer o augusto mistério, segundo exprimem o salmo xxv : ” Lavo minhas mãos em sinal de inocência, para andar em torno de Teu altar ó Senhor.” ( Sal XXV – VI )
BÁCULO: Bastão utilizado pelos bispos. Significa que ele está em lugar do Cristo Pastor.
BATISTÉRIO: O mesmo que pia batismal. É onde acontecem os batizados.
BURSA: Bolsa quadrangular para colocar o corporal.
CÁLICE: Taça onde se coloca o vinho que vai ser consagrado
CAMDELABRO: Grande castiçal, com várias ramificações, a cada uma das quais corresponde um foco de luz.
CASTIÇAIS: Suportes para as velas.
CADEIRA DO CELEBRANTE: Cadeira no centro do presbitério que manifesta a função de presidir o culto.
CALDEIRINHA E ASPERSÓRIO: A caldeirinha é um pequeno vaso portatil, usado para se colocar a água benta para a aspersão. Já o aspersório é uma pequena haste com o qual o sacerdote aspérge a assembléia ou objetos. Na sagrada liturgia são inseparáveis.
CÍRIO PASCAL: Uma vela grande onde se pode ler ALFA e ÔMEGA (Cristo: começo e fim) e o ano em curso. Tem grãos de incenso que representam as cinco chagas de Cristo. Usado na Vigília Pascal, durante o Tempo Pascal, e durante o ano nos batizados. Simboliza o Cristo, luz do mundo.
COLHERINHA: Usada para colocar a gota de água no vinho e para colocar o incenso no turíbulo.
CONOPEU: Cortina colocada na frente do sacrário.
CORPORAL: Pano quadrangular que o padre desdobra sobre o altar; sobre ele é colocado o cálice, a patena e a âmbula para a consagração.
CUSTÓDIA OU LUNETA: Objeto em forma de meia-lua utilizado para fixar a hóstia grande dentro do ostensório.
CREDÊNCIA: Mesinha ao lado do altar, utilizada para colocar os objetos do culto.
CRUCIFIXO: Fica sobre o altar ou acima dele, lembra a Ceia do Senhor é inseparável do seu Sacrifício Redentor.
CRUZ PROCESSIONAL: Cruz com um cabo maior utilizada nas procissões.
CRUZ PEITORAL: Crucifixo dos bispos.
ESTRANTE: Serve para acomodar o Missal; é colocado sobre o Altar para que o sacerdote acompanhe os ritos das celebrações liturgicas.
EVANGELIÁRIO: É o livro que contém os texto do evangelho para as celebrações dominicais e para as grandes solenidades.

GALHETAS: Recipientes de vidro onde se coloca a água e o vinho para serem usados na Celebração Eucarística. Ficam no pratinho.

GENUFLEXÓRIO: Faz parte dos bancos da Igreja. Sua única finalidade é ajudar o povo na hora de ajoelhar-se.
HÓSTIA: Pão Eucarístico. A palavra significa “vítima que será” sacrificada. A hóstia magna, maior, é destinada à comunhão do sacerdote. A menor, chamada partícula é destinada a comunhão dos fiéis.
INCENSO: Resina de aroma suave. Produz uma fumaça que sobe aos céus, simbolizando as nossas preces e orações à Deus.
LAMPARINA: É a lâmpada do Santíssimo.
LAVATÓRIO: Pia da Sacristia. Nela há toalha e sabonete para que o sacerdote possa lavar as mãos antes e depois da celebração.
LECIONÁRIOS: Livros que contém as leituras da Missa. Lecionário Semanal, contém as leituras dos dias de semana, a primeira leitura e o salmo responsorial estão classificados por ano par e ímpar, o evangelho é sempre o mesmo para os dois anos.Lecionário santoral, contém as leituras para as celebrações dos santos, nele também constam as leituras para uso na administração de sacramentos e para diversas circunstâncias. Lecionário dominical contém as leituras do Domingo e de algumas solenidades e festas.
LIVROS LITÚRGICOS: Todos os livros que auxiliam na liturgia: lecionário, missal, rituais, pontifical, gradual, antifonal.
MANUSTÉRGIO: Toalha com que o sacerdote purifica as mãos, no rito do lavabo, após ter apresentado e insensado as substâncias liturgicas, pão e vinho, para o santo sacrificio da missa.
MATRACA: Instrumento de madeira firmado por tabuinhas movediças que produz um barulho surdo. Substitui os sinos durante a semana santa.
MISSAL: Livro Litúrgico que contém todo o formulário e todas as orações usadas nas celebrações da missa para todo o ano litúrgico.
NAVETA: Objeto utilizado para se colocar o incenso, antes de queimá-lo no turíbulo.
OSTENSÓRIO ou CUSTÓDIA: É um objeto de ourivesaria destinado a expor o Santissimo Sacramento à adoração dos fieis ou para levá-lo em procissão. De grande dimensão e magnificência; é uma espécie de sol de ouro, cercado de raios em cujo o centro esta em toda Sua glória e majestade o Santíssimo Senhor Jesus.
PALA: Panosinho sagrado, fixo sobre o papelão, servindo para cobrir o calice durante o santo sacrifício da missa.
PALIUM: Cobertura com franja, apoiada em quatro varas, que cobre o ministro que leva o ostensório com a hóstia consagrada.
PATENA: Prato onde são colocadas as hóstias para a consagração.
PRATINHO: Recipiente que sustenta as galhetas.
PRESBITÉRIO: Espaço reservado ao sacerdote e aos ministros do altar , fica ao redor do altar, geralmente um pouco mais elevado, onde se realizam os sacramentos da santa igreja de Cristo Deus.
RELICÁRIO: Onde são guardadas as relíquias dos santos.
RITUAIS: É o livro utilizado para orientar os sacerdotes nos rituais de celebração dos sacramentos (batismo, crisma, penitência, unção dos enfermos, ordem e matrimônio).
SACRÁRIO OU TABERNÁCULO: È uma espécie de armário, colocado no altar, no qual se conservam as âmbulas com o Santissimo Corpo de Nosso Deus Sacramentado. Coberto com seu devido conopéu.
SANGUÍNEO, SANGUINHO OU PURIFICATÓRIO: Pequeno pano de forma retangular utilizado para o celebrante enxugar a boca, os dedos e o interior do cálice, após a consagração.
SANTA RESERVA: Eucaristia guardada no sacrário.
SINETA: Conjunto de sinos em um mesmo objeto, utilizado nas celebrações para marcar momentos importantes da missa, principalmente aquele correspondente à consagração do pão e do vinho, que se transformam no corpo e sangue de Jesus.
TECA: Pequeno recipiente onde se leva a comunhão para pessoas impossibilitadas de ir à Missa.
TURÍBULO: É um vaso de metal suspenso de correntes delgadas empregadas para se queimar e oferecer incenso nas celebrações liturgicas.
VÉU DA AMBULA: Capinha de seda branca que cobre a âmbula quando esta contém a hóstia consagrada. É sinal de respeito para com a Eucaristia.
VÉU DO CÁLICE: Pano utilizado para cobrir o cálice.

Elaborado por: São Francisco de Assis do Rio Doce

1 Comentários

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *