Quantos anos Jesus tinha, quando São José morreu?

0 1570
Seção: Bíblia Autor: Comentários: 0

Compartilhe

Existem perguntas acerca de fatos religiosos e bíblicos como este que não possuímos uma resposta com provas cientificas de textos que consigam provar o que se afirma. Assim a resposta leva em consideração possíveis conjunturas, ou probabilidades.

As citações bíblicas de São José:

O que sabemos sobre o marido de Maria e pai adotivo de Jesus vêm da Bíblia entretanto existem muitos textos apócrifos, (textos não oficiais) caso “A história de José o carpinteiro”, escrito em grego e conservado em árabe, siriano e copta, que fala em especial da morte de São José.

Os estudiosos da Bíblia afirmam que José casou-se com Maria aos 30 anos de idade, sendo viúvo, com filhos do primeiro casamento e foi escolhido a dedo por Deus para guardar a virgindade Maria. Também afirmam que morreu aos 60 anos de idade, antes do início da vida pública de Jesus, pois a partir deste momento não é citado no texto bíblico.

José o carpinteiro:

José era carpinteiro, mas também se dedicava a agricultura, um trabalhador, tanto que, em Nazaré, os fariseus falavam de Jesus e perguntavam “Não é este o filho do carpinteiro?” (Mateus 13,55).

Da descendência de Davi

José veio de uma linhagem real. Lucas e Mateus discordam um pouco em relação aos detalhes da genealogia de José, mas eles falam de sua descendência a partir de Davi, (Mateus 1,1-16 e Lucas 3,23-38

A gravidez de Maria

Quando José soube que Maria estava grávida após estarem para se casar, sabendo que a criança não era dele e desconhecia, ele planejou separar-se de Maria de acordo com a lei, mas temeu pela segurança e o sofrimento dela e do bebê. Ele sabia que mulheres acusadas de adultério poderiam ser apedrejadas até a morte, então ele decidiu deixá-la silenciosamente e não expor Maria a vergonha. (Mateus 1,19-25). Era homem de fé, obediente a Deus. Quando o anjo apareceu a José em um sonho e contou-lhe a verdade sobre a criança que Maria estava carregando, José imediatamente e sem questionar, tomou-a como esposa.

A oferta dos pobres

Ele não possuía posses e quando levou Jesus ao Templo para ser circuncidado e Maria para ser purificada ofereceu o sacrifício dos pobres, isto é, um par de rolas ou dois pombinhos, permitido apenas àqueles que não tinham condições de comprar um cordeiro (Lucas 2,24).

A fuga para o Egito

Quando o anjo reapareceu para dizer-lhe que sua família estava em perigo, ele escapou para um país estranho, o Egito, com sua jovem esposa e o bebê. Ele aguardou no Egito sem questionar até que o anjo disse a ele que já era seguro retornar (Mateus 2,13-23).

Volta para Nazaré e perca de Jesus no Templo.

Por ocasião de seu retorno fixou residência na pequena cidade de Nazaré sem temer por sua vida. Quando Jesus ficou perdido no Templo, José (junto com Maria) procurou por ele com grande ansiedade por três dias (Lucas 2,48). As pessoas de Nazaré constantemente repetiam a frase em relação a Jesus, “Não é este o filho de José?” (Lucas 4,22)

As festas judaicas em Jerusalém

Ele levava sua família a Jerusalém todo ano para a Páscoa e outras festas de preceito, algo que não era fácil para um trabalhador.

Na vida pública de Jesus

A última menção feita a José na Bíblia é quando ele procura por Jesus no Templo de Jerusalém. Depois deste acontecimento José desaparece do cenário da narrativa bíblica. Durante a vida pública de Jesus não encontram mais nenhuma citação, nem nas narrativas da morte e ressurreição de Jesus. Aqui entra a constatação feita por muitos estudiosos da Bíblia. Provavelmente José havia morrido antes que Jesus iniciasse sua vida pública. Seguindo estas considerações dos Biblista Jesus teria 30 anos de idade. Seria uma das hipóteses quanto a pergunta que é feita.

Considerações adicionais:

Para ilustrar a resposta da pergunta indicamos outras datas e idade para Jesus citadas em textos vindo da literatura apócrifa (fantasiosa, por isso não oficial). Nestes textos apócrifo aparece a idade de José na ocasião de sua morte de 112 anos vejamos:

“Assim José o Carpinteiro, pai de Jesus segundo a carne, abandonou esta vida mortal e viveu cento e doze anos. Quando nosso Salvador contou toda a sua vida aos apóstolos, reunidos no monte das Oliveiras, eles escreveram as suas palavras e, depois guardaram-nas na biblioteca de Jerusalém e além disso, deixaram consignado que o dia no qual o santo ancião separou-se do seu corpo foi o dia 26 de Epep, na paz do Senhor. Amém” Texto retirado na”História de José o Carpinteiro”.

Pode ser conferido em forma completa em http://www.gnosisonline.org/teologia-gnostica/a-historia-de-jose-o-carpinteiro/.

O mesmo texto coloca José casado com Maria sendo viúvo, com idade respeitável e que possuía 6 filhos, quatro homens e duas mulheres, cujos nomes eram: Judas, Josetos, Tiago e Simão e as filhas chamavam-se Lísia e Lídia.

O momento da morte narrado na “historia de José o carpinteiro” assim é apresentado com riqueza de detalhe. Jesus estava presente:

“Inclinei-me sobre o corpo inerte de meu pai. Cerrei seus olhos, fechei sua boca e levantei-me para contemplá-lo. Depois disse à Virgem: Ó Maria, minha mãe, onde estão os objetos de artesanato feitos por ele desde sua infância até hoje? Neste momento todos eles passaram, como se ele não tivesse sequer vindo a este mundo. …. Efetivamente, morreu, mas sua morte não é morte, porém vida eterna. Grandes coisas esperam nosso querido pai José. Desde o momento em que sua alma sai do seu corpo, desapareceu para ele toda espécie de dor. Ele se pôs a caminho do reino eterno. Deixou atrás de si o peso da carne, com todo este mundo de dor e de preocupações, e foi para o lugar de repouso que tem meu Pai nesses céus que nunca serão destruídos”.

Em conclusão:

As considerações que indicam Jesus tendo a idade de 30 anos, na ocasião da morte de José, (pouco antes de iniciar sua vida pública), é a que mais se aproxima do fato. Não encontramos textos que indiquem com precisão a idade de Jesus, no momento da morte de José. Tomar como referência o momento da perda de Jesus no templo é uma indicação razoável. Querer aceitar as idades vindas dos escritos apócrifos, não deixa de ser temerária.

Redação

O site e a revista digital Sou Catequista é um projeto da agência Minha Paróquia para a formação e interatividade entre os catequistas do Brasil e países de língua portuguesa. Saiba mais: http://soucatequista.com.br/quem-somos

Veja a lista de artigos publicados por Redação

Queremos saber a sua opinião! Deixe aqui o seu comentário: