Receba as novidades exclusivas de nossa rede :)

Cadastre-se

Temas para a Catequese no mês de outubro de 2018

Temas para a Catequese no mês de outubro de 2018
missao

Outubro é um mês pra lá de especial. Nele além de celebrarmos Nossa Senhora Aparecida, Santo Rosário e diversos santos importantes, também, dedicamos às Missões. O objetivo do mês missionário é sensibilizar, despertar vocações missionárias e realizar a Coleta no Dia Mundial das Missões, no penúltimo domingo de outubro (nos dias 20 e 21). O tema deste ano é: “Enviados para testemunhar o Evangelho da paz”. O papa Francisco desde o início de seu pontificado tem nos convidado a agir sem medo e sem rigidez, com coragem e igualmente “dóceis” ao Espírito, para além das estruturas que nos asfixiam. Uma Igreja não burocrática, mas uma Igreja em saída, próxima das pessoas. Neste espírito, e em comunhão com a Campanha da Fraternidade de 2018, queremos viver juntos o grande projeto de Deus de construir a civilização do amor.

Santos do mês

1: Santa Teresinha do Menino Jesus, intercessora dos missionários

2: Santos Anjos da Guarda

3: Protomártires do Brasil

4: São Francisco de Assis, o santo que desposou a pobreza

5: Santa Maria Faustina Kowalska, apóstola da Divina Misericórdia

6: São Bruno, fundador da Ordem dos Cartuxos

7: Nossa Senhora do Rosário

8: São Luis Beltran, obediente a voz do Senhor

9: São João Leonardo, fundou a Companhia da Doutrina Cristã

10: São Daniel Comboni – Bispo da África Central

11: Santo Alexandre Sauli – Bispo da Igreja de Aléria

12:
Nossa Senhora da Conceição Aparecida – Padroeira do Brasil

13: Beata Alexandrina Maria da Costa

14: São Calisto I – um dos Príncipes da Fé

15: Santa Teresa de Ávila (Santa Teresa de Jesus)

16: Santa Margarida Maria Alacoque, devota do Sagrado Coração de Jesus

17: Santo Inácio de Antioquia, portador de Deus

18: São Lucas, uma figura simpática do Cristianismo primitivo

19: São Paulo da Cruz, profundo devoto da Sagrada Paixão

20: São Pedro de Alcântara, um dos grandes místicos espanhóis

21: Santa Úrsula

22: São Gaudêncio – santo Bispo de Bréscia na Itália

23: São João de Capistrano, sábio e prudente

24: Santo Antônio Maria Claret – Arcebispo de Santiago de Cuba

25: Santo Antônio de Sant’Anna Galvão, homem de paz e caridade

26: São Luís Orione, grande exemplo de santidade

27: São Gonçalo de Lagos, homem zeloso e cheio de pureza

28: São Simão e São Judas Tadeu, colunas da verdade do Reino

29: São Narciso – Bispo de Jerusalém

30: São Frumêncio – Padre portador da paz

31: Santo Afonso Rodrigues

OUTROS TEMAS PARA O MÊS

SÃO FRANCISCO DE ASSIS 

São Francisco de Assis nasceu em Assis, Itália, em 1182. Era filho de Pedro Bernardone, um rico comerciante, e Pia, de família nobre da Provença. Na juventude, Francisco era muito rico e esbanjava dinheiro com ostentações. Porém, os negócios de seu pai não lhe despertaram interesse, muito menos os estudos. O que ele queria mesmo era se divertir. Porém, São Boaventura, seu contemporâneo, escreveu sobre ele: “Mas, com o auxílio divino, jamais se deixou levar pelo ardor das paixões que dominavam os jovens de sua companhia”. A proximidade de Francisco com a natureza sempre foi a faceta mais conhecida deste santo. Seu amor universalista abrangia toda a Criação, e simbolizava um retorno a um estado de inocência, como Adão e Eva no Jardim do Éden.

ANJO DA GUARDA

Os anjos da guarda são encarregados de velar pelos indivíduos. Essa é uma verdade que pode ser encontrada em várias passagens da Escritura e da grande Tradição; muitos a consideram uma “verdade de fé”. A Igreja aceita e celebra a festa dos anjos no dia 2 de outubro. Hoje, também os teólogos afirmam que cada indivíduo está confiado a uma anjo da guarda.

NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO 

Nossa Senhora do Rosário possui um devoção muito antiga. Teve origem com os Monges irlandeses no século VIII, que recitavam os 150 Salmos. Como os leigos não sabiam ler, os monges ensinaram a rezar 150 Pai Nossos, que mais tarde foram substituídos por 150 Ave Marias. Assim, a devoção, começou a se espalhar pelo mundo. Em muitas aparições de Maria Santíssima, Ela pede, ensina e reza junto, a oração do Rosário, como em Lourdes, em Fátima e tantas outras.

A palavra Rosário quer dizer um tanto de rosas, um buquê de rosas que se oferece a Nossa Senhora. Cada Ave Maria é uma rosa que oferecemos à Mãe, com carinho e esperança. Assim, quando rezamos o Santo Rosário completo, oferecemos um buquê de duzentas rosas a Nossa Senhora.

NOSSA SENHORA APARECIDA

Os fatos foram registrados primeiramente pelos padres José Alves Vilela, em 1743, e João de Morais e Aguiar, em 1757. Esses registros foram feitos nos livros da Paróquia de Santo Antônio de Guaratinguetá, à qual pertencia a região onde a imagem foi encontrada. A imagem apareceu em outubro de 1717. E os fatos aconteceram assim:

Dom Pedro de Almeida, governante da capitania de São Paulo e Minas de Ouro, homem que detinha também o título de Conde de Assumar, passava por Guaratinguetá, SP, quando viajava para Vila Rica, MG. A população organizou uma festa para receber o conde de Assumar. Para prepararem a comida, pescadores foram para o rio Paraíba com a difícil missão de conseguirem muitos peixes para a comitiva do governador, mesmo não sendo tempo de pesca. Domingos Garcia, Filipe Pedroso e João Alves, sentindo o peso de sua responsabilidade, fizeram uma oração pedindo a ajuda da Mãe de Deus. Depois de tentar várias vezes sem sucesso, na altura do Porto Itaguaçu, já desistindo da pescaria, João Alves lançou a rede novamente. Não pegou nenhum peixe, mas apanhou a imagem de Nossa Senhora da Conceição. Porém, faltando a cabeça. Emocionado, lançou de novo a rede e, desta vez, pegou a cabeça que se encaixou perfeitamente na pequena imagem. Só este fato, já foi um grande milagre. Mas, após esse achado, eles apanharam tamanha quantidade de peixes que tiveram que retornar ao porto com medo de a canoa virar. Os pescadores chegaram a Guaratinguetá eufóricos e emocionados com o que presenciaram e toda a população entendeu o fato como intervenção divina. Assim aconteceu o primeiro de muitos milagres pela ação de Nossa Senhora Aparecida.

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *