Receba as novidades exclusivas de nossa rede :)

Cadastre-se

A maneira correta de rezar o Pai-Nosso

A maneira correta de rezar o Pai-Nosso

Não escrevo em tom de crítica, mas de exortação para os fiéis, diáconos, presbíteros e bispos da Santa Mãe Igreja Católica. Sinto-me no dever de assim o fazer para que não seja desfigurada pelo erro a oração que o Senhor ensinou aos seus discípulos e também a nós.

Quantas vezes ouço esta oração recitada de maneira errônea! Senão vejamos. Uma parte considerável dos católicos rezam assim: “Perdoai as nossas ofensas”. É preciso que aprendamos e gravemos em nossos corações que Deus não perdoa pecados, mas os pecadores, as pessoas que os cometem. Sendo o Senhor o Sumo Bem, como perdoaria o adultério, a corrupção, a pedofilia, a prostituição e todos os pecados? Seria atá um contra senso da parte de Deus. Quando lemos passagens na Bíblia que dizem: “Os teus pecados estão perdoados”, você está perdoado ou perdoada dos pecados  que cometeuIsto deve-se a uma tradução não muito correta dos textos bíblicos. Tanto é que em Mateus 6,12 diz textualmente: “Perdoai-nos as nossas ofensas”.

Feita esta exortação, um lembrete para todos os católicos. Se estivermos participando da Missa, no final da Oração do Pai-Nosso não se diz o amém. Rezando fora da Missa se diz o amém, que quer dizer assim seja, ou seja feito o que nós pronunciamos.

Espero ter contribuído para que toda a Comunidade Eclesial Católica, reze o Pai-Nosso de maneira correta, como Jesus ensinou.

Paz e Luz

Por Antonio Luiz Macêdo

Mais artigos do Autor:
Catequese Católica (busque em Colunistas)
Fragmentos de Salmos (Salmo em negrito)
Gota de Esperança

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *