.

Receba as novidades exclusivas de nossa rede :)

Cadastre-se

O Cristão e a sociedade

O homem é um ser social por natureza. A pessoa humana necessita da vida social, porque ninguém é auto-suficiente. Por isso, temos a tendência natural que nos impulsiona a nos associar, com o fim de alcançar objetivos que excedem as capacidades individuais. A família e a cidade são sociedades que diretamente correspondem à natureza do homem, e outras ações com fins econômicos, culturais, esportivos, etc.; expressam também a necessidade do homem de viver em sociedade.

Toda sociedade deve ter sua autoridade, para que tenha unidade e para assegurar, na medida do possível, o bem comum da própria sociedade; bem que também está relacionado com o de outras sociedades e com o bem comum de toda a sociedade humana.

O fim último da sociedade é a pessoa humana, e por isto a justiça social só pode ser conseguida se tem o devido respeito à dignidade transcendente do homem, criado por Deus a sua imagem e semelhança, com uma alma racional e com um fim supremo, que é a glória do Céu.

A igualdade na dignidade e as diferenças entre os homens reclamam a fraternidade, o serviço, a solidariedade humana e a claridade sobrenatural, como expressões concretas da reconciliação trazida pelo Senhor Jesus.

O homem é sociável por natureza?

Sim, o homem é social por natureza, e não auto-suficiente.

Qual é o princípio, o sujeito e o fim de todas as instituições sociais?

O princípio, o sujeito e o fim de todas as instituições sociais é e deve ser a pessoa humana.

Deve haver uma autoridade na comunidade humana?

Toda a comunidade humana necessita de uma autoridade para manter-se e desenvolver-se. A comunidade política e a autoridade pública se fundam na natureza humana e por isso pertence à ordem querida por Deus.

Quando a autoridade é exercida de maneira legítima?

A autoridade é exercida de maneira legítima se busca o bem comum da sociedade. Para alcançá-lo deve-se empregar meios moralmente legítimos.

O que é o bem comum?

O bem comum é o conjunto daquelas condições da vida social que permitem aos grupos e a cada um de seus membros conseguir mais plena e facilmente sua perfeição.

Quais são os elementos essenciais que comporta o bem comum?

O bem comum comporta três elementos essenciais: o respeito e a promoção dos direitos fundamentais da pessoa, a prosperidade ou o desenvolvimento dos bens espirituais e temporais da sociedade, a paz e a segurança do grupo e de seus membros.

De que maneira a sociedade assegura a justiça social?

A sociedade assegura a justiça social procurando as condições que permitam às associações e aos indivíduos obter o que lhes é devido.

Todos os homens têm a mesma dignidade?

Sim, todos os homens têm a mesma dignidade, porque todos foram criados por Deus a sua imagem e semelhança; todos têm uma alma racional e imortal, foram reconciliados por Cristo e estão chamados à bem-aventurança eterna do céu.

O que é a solidariedade?

A solidariedade é uma virtude eminentemente cristã que leva aos homens a comunicarem os bens espirituais e materiais para ajudar-se entre eles.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *